terça-feira, 19 de março de 2013

Resenha: Shampoo e Condicionador da Ikove


Estou em uma fase de transição para cosméticos orgânicos aos poucos, alguns produtos de cada vez e no momento troquei alguns produtos capilares. Estes últimas dias eu andei testando esse shampoo e condicionador da marca Ikove. Como sou dona de um cabelo misto (raiz oleosa e pontas secas) resolvi arriscar comprando um shampoo para cabelos oleosos e um condicionador para cabelos normais, mais para equilibrar e hidratar as pontas.

O Shampoo

De acordo com a marca, o shampoo orgânico de acerola da Ikove é ideal para cabelos oleosos e tem ação adstringente que auxilia no combate ao excesso de oleosidade. É livre de sulfatos, ou SLS (também conhecido como “sodium lauryl sulfate"), corantes ou fragrâncias artificiais. 

Composição: aqua, decyl glucoside, malphigia glabra fruit extract, rosmarinus officinalis leaf extract, lavandula officinalis extract, ilex paraguariensis leaf extract, hamamelis virginiana extract oil,xanthan gum, citrus aurantium dulcis oil, lavandula officinalis oil, potassium sorbate. (Nota 1 no EWG, ou seja, considerado de baixo risco)

O que achei: Eu achei o cheiro do shampoo bem gostoso, natural mesmo (bem "cheiro de mato"), meio cítrico, mais puxado pra acerola. Também acredito que o shampoo cumpre o prometido: Combater a oleosidade! Meus cabelos estão com pouquíssima oleosidade na raiz e duram muito mais tempo assim! Lembrando que passo o shampoo somente na raiz e lavo o restante do cabelo com a espuma produzida na mesma e ao longo do enxágue (já é o bastante pro cabelo ficar limpo e sem virar uma palha, já que tenho pontas secas né!). 

Faço duas mãos do produto, na primeira sinto uma espuma sutil, mas na segunda passada do shampoo a espuma aumenta a quantidade, ficando bem próxima aos shampoos convencionais. Sinto que ele limpa profundamente e gostei demais! Um único porém é a quantidade gasta de produto a cada lavagem, percebi que pra fazer o efeito que eu gosto eu uso uma quantidade maior de produto, mais do que eu costumava usar nos outros shampoos (mas estou conseguindo lavar meu cabelo agora dia sim, dia não, por ter menos oleosidade, então acredito compensar um pouco, já que eu lavava diariamente). Vou comprar ele de novo com certeza! <3

O condicionador

Já o condicionador orgânico de cupuaçu é recomendado para cabelos normais, restaura a estrutura danificada dos fios capilares, dá brilho e facilidade ao pentear. O uso dos óleos essenciais na sua formulação deixa os cabelos perfumados.

Composição: aqua, aloe barbadensis leaf juice, theobroma grandiflorum seed butter, orbginya oleifera seed oil,calendula officinalis extract, salvia officinalis extract, ilex paraguariensis leaf extract, pentaclethra macroloba seed oil, cetyl alcohol, sorbitan olivate, cetearyl olivate, citrus aurantium bergamia fruit oil, potassium sorbate. (Nota 1 no EWG) 

O que achei: O cheiro é realmente o que a Ikove afirma, o cabelo fica muito perfumado, com um cheirinho delicioso de cupuaçu! Mas, não senti que esse condicionador não dá aqueeela hidratação que o meu cabelo precisa após o uso de um shampoo contra oleosidade, já que as minhas pontas ficam meio ressecadas. Assim, acabo usando mais do produto do que deveria pra ter esse efeito. Acredito que eu deveria ter comprado um condicionador para cabelos secos e não para cabelos normais.

Preço: R$29,90
Onde comprar: Loja vitural da Ikove e Flor de magnólia.  

Só lembrando que os produtos podem dar/não dar certo com outras pessoas também. Essa é a minha opinião sincera sobre os produtos, no meu gosto e tipo específico de cabelo. :) 

21 comentários:

  1. Gostei de ler a resenha. É essencial quando se fala TUDO, eu não conhecia a marca!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cássia! Também acho bom trazer uma resenha mais detalhada, pois nunca se sabem quem vai ler né? Então quanto mais informação, melhor :D

      Excluir
  2. Muito boa a resenha! Gosto muito da máscara de hidratação de buriti da surya pra usar no lugar do condicionador, hidrata muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Kia! Que bom saber! Ainda não experimentei a máscara da surya, mas está na minha wishlist :D

      Excluir
  3. Pra quem ta começando nesse mundo a resenho foi muito boa, gostei! ^-^

    bj!

    ResponderExcluir
  4. Oi Jess, gostei do post! Já tinha ouvido falar na Ikove, mas nunca comprei nada. Com exceção do lip balm, a marca é toda vegana, né? Já coloquei o shampoo de abacate e acerola na minha wishlist! hehe
    Obs: tenta usar um óleo vegetal, como argan, abacate ou linhaça nas pontinhas ressecadas do cabelo. Pra mim tem funcionado. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eliana! Isso mesmo, os produtos são veganos (exceto o lipbalm)! Ah, eu estou amando esse shampoo, espero que também dê certo com você! Vou ver se compro o condicionador de abacate que é mais hidratante pras minhas pontas e gostei muito dessa dica de usar um óleo vegetal, vou experimentar :D

      Excluir
  5. O shampoo de acerola da Ikove é um dos meus preferidos. =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora é o meu preferido também, Heglaé, logo eu compro novamente! :)

      Excluir
  6. adorei seu blog. tb sou vegan
    parabens pela atitude!
    bjs
    Flavia
    www.adoteumfocinhocarente.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo conhecer mais uma vegana!
      Obrigada :D

      Excluir
  7. maravilha. Esse shampoo faz sucesso mesmo, quem tem raiz oleosa e experimenta essa shampoo não quer outro. No meu caso eu sou apaixonada pelo shampoo de jaborandi da Ikove.
    quanto ao condicionador ele é bem suave mesmo, não é o ideal para uam super hidratação, nesse caso o de abacate e babaçu seria melhor. Parece q a Ikove esta testando novas formulas para os condicionadores.
    Grande abraço e parabens,

    Aline
    www.flordemagnolia.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!
      Obrigada pela visita!
      Eu imagino e fico muito feliz em saber que as empresas como a Ikove estão sempre abertas para novas formulações, pensando em melhorar :D

      Excluir
  8. Adorei seu blog. Não sou vegetariana e nem vegana, mas adoro os produtos voltados para este público pois a qualidade é bem melhor. Nem se compara.Para mim só é dificil a compra, pois tenho de comprar tudo na internet e nem sempre o frete colabora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueci de divulgar os meus blogs:

      www.carloura.blogspot.com.br
      www.testandocomacarla.com.br
      https://twitter.com/carloura

      Abraço!

      Excluir
    2. Oi Carla! Desculpa a demora pra responder, não recebi alerta do comentário no email :(

      Que bom que você gosta dos produtos! :D
      Também acho que o mais dificil é a compra, infelizmente tudo que gosto quase sempre precisa comprar pela internet!

      Beijos!

      Excluir
  9. Sabe que to pensando em comprar esse shampoo? Comprei um pra cabelos oleosos, da Sal da Terra Saboaria, mas não gostei muit ):
    Tenho pensado se o shampoo realmente nao serviu pra mim, ou se foi porque meus outros produtos capilares(óleo, leave-in e creme de hidratação) são comuns, com produtos químicos.. como voce fez sua transição pra produtos organicos?
    bjs
    www.blogeuquefiz.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa!
      Eu achei esse shampoo ideal pra cabelos oleosos, muito bom mesmo! Mas pelo que eu já li o resultado do uso do shampoo orgânico é melhor quando já temos o uso de condicionadores e outros produtos capilares não convencionais! No início eu achei meio estranho o meu cabelo, mas pq eu usava esse shampoo junto com o restinho de um condicionador da phytoervas e achei que só fez mais efeito quando finalmente troquei de condicionador para esse da resenha (também orgânico!), então pode ser que o seu caso seja parecido! Experimenta usá-lo com outros produtos orgânicos e se mesmo assim não der certo o shampoo daí sim você pula pra outra marca/produto :D

      Então, a minha transição foi feita bem aos poucos, primeiro troquei o shampoo e condicionador por esses da resenha, depois fui experimentando trocar os produtos faciais e maquiagens. Acho que você precisa ver qual a sua prioridade, eu priorizei produtos capilares e de banho pois é o que uso com maior frequência e achei mais importante no momento :)

      Qualquer novidade me avisa!
      Beijos!

      Excluir
  10. Sodium Laryl Sulfato pode até ser um sal, mas não se enganem achando que shampoo sem sal = shampoo sem SULFATO. SLS é surfactante o que seria mais correto dizer, um detergente que um sal pelas pesquisas que fiz por aí... Enfim, troquei meus produtos de cabelo não para orgânicos necessariamente, mas para produtos sem sulfatos, silicones e petrolatos (alguns não tem parabenos também) e gente meu cabelo é outro! Sempre tive cabelo oleoso, mas não sinto a necessidade de usar shampoo para cabelo oleoso depois que troquei...acho que um shampoo para cabelos normais pode ser suficiente...porque? porque o SLS resseca muito os cabelos e couro cabeludo então o corpo produz mais óleo para compensar...quando você equilibra isso (para de usar SLS) a oleosidade tende a ser controlada naturalmente =) Estou usando shampoo de argan no comprimento e nada de oleosidade na raiz no fim do dia minha gente! e é verão!! =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Liana! Obrigada pelo aviso, modifiquei o post pra não haver mais confusão :)

      Sim, eu percebi isso também, com o meu uso de shampoos orgânicos, não uso mais necessariamente shampoos para cabelos oleosos, outros tipos de shampoo são tão bons quanto e não deixam meu cabelo com aquela oleosidade que tinha antes, muito sucesso :D

      Atualmente uso o Lippia Alba da Herbia e gosto muito!

      Excluir